STF DEIXA A CARGO DOS ESTADOS E MUNICÍPIOS DECIDIR SE VACINA SERÁ OU NÃO OBRIGATÓRIA.

STF: mais alta corte do país é alvo de críticas por legislar acima do Congresso Nacional (STF/Divulgação)

Por 10 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal determinou que será permitida a vacinação obrigatória da população, caso os estados e municípios assim decidam. A vacinação forçada não será permitida. As punições para quem não tomar a vacina deverão ser em relação aos direitos cíveis de cada cidadão e também ficará a cargo dos governos das casas legislativas estaduais e municipais.

Em Goiás a vacinação será obrigatória?

Nessa semana a Assembleia Legislativa do estado aprovou um projeto que permite aos goianos a escolha entre tomar ou não a vacina. O texto segue para a sanção do governador, Ronaldo Caiado, que deve aprova-lo. Resta saber se as casas legislativas e executivas de cada município irão seguir a União, o estado ou se trilharão um caminho independente.


Leia também:

>> Fachin decide que presos do grupo de risco devem deixar a cadeia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui